A maioria dos aplicativos atualmente funciona na arquitetura cliente-servidor e não é tão simples de implementar se você selecionar a linguagem de desenvolvimento errada para a codificação de back-end. Afinal, como entendemos o propósito de um framework de desenvolvimento web é reduzir a quantidade de código que você precisa escrever. E a maneira mais eficaz de reduzir a quantidade de código escrito é prestar https://www.ocafezinho.com/bootcamp-de-programacao-como-desenvolver-suas-habilidades-em-poucos-meses/ atenção à plataforma AppMaster sem código. Se você está muito familiarizado com JavaScript, mas se sente inseguro com outras linguagens de programação, o Express.js pode ser a estrutura de back-end perfeita para você. Características de segurança estão incorporadas no Java e no sistema em tempo de execução. Verificações em tempo de execução e tipo estático são verificadas no momento da compilação.

principais linguagens back end

Então, se você não quer trabalhar com experiência do cliente, tampouco se preocupar em construir a melhor interface possível para o usuário, back-end é o caminho mais curto para começar em Programação. Isso permite obter toda a extensibilidade e maturidade característica dos frameworks e bibliotecas Java através de uma linguagem muito menos verbosa, com uma API mais agradável e com um design mais moderno. O Kotlin é uma linguagem de programação completamente open source, multiplataforma e multiparadigma com forte influência de C#, Scala, Groovy e JavaScript. As estruturas de back-end são julgadas pelas ferramentas de programação, linguagens e interfaces que oferecem. A verdade é que quem pretende seguir carreira na área de desenvolvimento utilizando linguagens back-end, deve primeiramente, dominar várias tecnologias.

O que faz um desenvolvedor backend?

Ela também trabalha com base em códigos compartilhados e é conhecida por executar o código de uma maneira mais ágil quando comparada às outras linguagens. Considerada uma das linguagens mais consagradas e populares do mundo, Java é orientada a objetos, roda em várias plataformas e serve para desenvolver aplicações web e mobile. Diferente do que ocorre em outras linguagens de programação, as aplicações criadas em Java não são compiladas em um código nativo.

Uma linguagem query como o SQL é ótimo para aqueles que querem tirar vantagem da riqueza de conhecimentos armazenados nos bancos de dados. C# é uma linguagem de computador de alto-nível, o que significa que permite com que Bootcamp de programação: como desenvolver suas habilidades em poucos meses programadores construam programas que sejam independentes de algum tipo específico de computador. Iguais como essa são escritas e lidas como se fosse uma linguagem humana, ao invés de serem como uma linguagem de máquina.

O que é uma linguagem back-end?

Interface de programação de aplicações ou Application programming interfaces (API), permite com que você separe aplicações para conversarem entre eles. Eles desempenham um papel em como a maioria das arquiteturas de softwares server-side são construídas. Não basta saber somente o que é backend, mas também dominar algumas dessas linguagens de programação, de preferência as mais requisitadas. Não é pra ser confundido com o Java, JavaScript é uma linguagem que pode ser utilizada tanto para o front end quanto para o back end.

principais linguagens back end

Isso significa que, independentemente do tipo de solução que seu problema exige, você pode usá-lo para desenvolver um back-end rico em recursos para seu aplicativo. ASP.NET é uma estrutura de desenvolvimento de código aberto usada para criar aplicativos .NET. Ele usa código C# e é a estrutura da Web ideal se sua prioridade for fornecer uma experiência de usuário positiva para seus usuários.

By admin 2